Home office: as adaptações do formato de trabalho em novos tempos 

Home office: as adaptações do formato de trabalho em novos tempos 

Em tempos de COVID-19, muitos profissionais passaram a exercer suas atividades em suas casas, a fim de assegurar que o vírus não continue a se propagar.  

Embora não pareça, a mudança para home office requer formatos únicos de adaptação e uma disciplina especial, para que o rendimento diário de trabalho não seja comprometido. 

Por mais que pareça óbvio é muito importante ter uma rígida rotina de trabalho, para que as coisas não saiam dos eixos e deixem de se tornar atividades produtivas, dando lugar a tarefas angustiantes. 

Nem todos os profissionais possuem perfil para fazer home office!

Você sabia disso? 

Se por opção ou demais circunstâncias você está indo para home office, recomendamos que a sua primeira ação seja organizar o espaço onde você irá desenvolver seus projetos a partir de agora. 

Crie um espaço do seu jeito!

Se possível, adapte um cômodo da sua casa para ser seu escritório temporário ou definitivo. 

No caso de não haver essa possibilidade, procure integrar seu espaço de trabalho a algum cômodo onde você possa ter maior tranquilidade para se concentrar em suas atividades. Como uma varanda, por exemplo, quarto de visitas, ou cantinho em seu próprio quarto.

O importante nesse momento é se distanciar de barulhos e quaisquer distrações possíveis. 

Are you ready? 

Com seu espaço escolhido é hora de organizar seus novos formatos de trabalho. Para isso, indicamos seguir alguns passos básicos. São eles:

1. Estabelecer uma rotina

Ter uma rotina pré definida contribui muito com a organização do seu dia a dia e, como consequência, em seus rendimentos, fazendo com que sejam positivos.

Diversas pessoas confundem home office com um trabalho sem regras e isso pode ser definitivo para o comprometimento total da produtividade.

2. Utilize atos simbólicos 

Pode parecer loucura, mas atos simbólicos são comprovadamente eficientes para uma rotina produtiva. 

Tendo isso em mente, você pode, ao acordar, tirar o pijama e colocar uma roupa mais adequada, a qual utilizaria num dia normal de trabalho fora de casa, por exemplo. 

Pode e deve organizar os materiais que vai utilizar no dia ou arrumar a sua mesa de trabalho e assim por diante. 

Tudo o que você puder fazer para ajudar seu cérebro a entender que é hora de focar em seus projetos profissionais. 

3. Evite pontos de distração  

Em casa, além de não ter seu chefe por perto para supervisionar as atividades que você está realizando a todo o momento, que acredite, em muitos casos ainda é necessário. 

Itens como, a tv, o sofá, os filhos querendo brincar e notificações no celular podem roubar minutos e até horas preciosas de seu trabalho. 

4. Avise sua família e amigos 

Faça todos ao seu redor entenderem de que aquele é o seu trabalho e requer compromisso, prazos de entrega e atenção. 

Se necessário, reúna a família e explique sobre sua carga horária e responsabilidades, para que você tenha o máximo de privacidade e concentração de que necessita nesse período. 

5. Faça uma pausa

Assim como em um ambiente de trabalho convencional, em casa você também precisa de uma pausa para colocar as ideias no lugar, dar uma esticadinha nos músculos e conseguir voltar com todo o gás para gerar novas ideias. 

6. Organize sua agenda diariamente 

Seja ela digital ou a tradicional feita com papéis, organizar as tarefas do seu dia é primordial para que nenhuma seja esquecida ou deixada para última hora.  

Se no trabalho protocolar e formal de uma empresa isso já falha, imagina em home office. 

Uma simples iniciativa como essa poderá minimizar falhas, além de otimizar muito o seu tempo. 

Quer saber mais sobre como ter sucesso em home office, com sua equipe ou na gestão do seu negócio? 

Então não deixe de entrar em contato conosco e baixar nosso ebook GRATUITO
clicando aqui, com mais informações sobre esse formato de trabalho. 

Vamos adorar trocar ideias com você e encontrar as melhores soluções para suas circunstâncias!

homeoffice

AS ADAPTAÇÕES DOFORMATO DE TRABALHOEM NOVOS TEMPOS. Desenvolvemos este ebook como forma de contribuição para milhares de profissionais que estão tendo que se adaptar a novos ares de trabalho por...
Gestão de tempo dentro da organização: conheça estratégias que podem ajudar

Gestão de tempo dentro da organização: conheça estratégias que podem ajudar

Compreender as demandas atuais da sua empresa, onde são e estão alocadas, quais são as prioridades e o nível de produtividade médio de cada um dos seus colaboradores, são a base essencial de uma boa gestão de tempo no que diz respeito a toda uma organização.

Em nosso último post, você pôde conhecer alguns dos principais benefícios de uma gestão de tempo adequada dentro das  empresas, além das consequências mais frequentes de negligenciá-la.

Ao ter um conhecimento atualizado dos dados e entregas que sua equipe necessita fazer, você contribuirá consigo mesmo e com toda a organização para uma tomada de decisões mais assertiva em relação a diversos pontos, que o fazem ganhar ou ainda perder clientes e, consequentemente, refletem no seu faturamento mensal e anual.

Para que um controle eficiente seja colocado em prática em sua organização, trouxemos hoje algumas dicas que podem ser seguidas para a obtenção de melhores resultados. São elas:

Organizar as demandas que chegam

Mais importante que adotar ferramentas que contribuam ou verifiquem a gestão de tempo, é preciso ter ordem.

  1.  Comece instruindo os responsáveis em relação à definição do prazo requerido e a sequência que será dada para a criação das peças e conteúdos.
  2.  Instrua os responsáveis  a respeito das novas demandas que chegarem para serem alocadas por ordem de prioridade, tendo em mente além dos os prazos, o nível de dificuldades de cada uma delas.
  3. Tenha um calendário com todas as tarefas que chegaram e foram atribuídas, para que seja viável avaliar previamente possíveis conflitos ou ainda identificar colaboradores que podem recebê-las tranquilamente, de maneira que o trabalho esteja sempre bem equilibrado.

Delegar tarefas

Saber delegar é fundamental, tanto para evitar a sobrecarga, quanto para depositar confiança em seu time, reconhecendo suas habilidades e dando espaço à novas soluções.

Essa prática também o ajudará a reconhecer peças-chave, as quais destacam-se por realizar entregas rápidas e bem efetuadas.

Reduzir o número de reuniões na medida do possível

É comum que aconteçam reuniões para o alinhamento de informações importantes. No entanto é preciso perguntar-se :

Será que inúmeras e longas reuniões são mesmo tão relevantes?

Por mais que algumas sejam essenciais é fundamental utilizá-las em uma estratégia eficaz de otimização do seu tempo e de sua equipe.

Antes de reunir o time, delimite os objetivos da reunião, dessa maneira, você evita passar muito do tempo que tinha em mente, não perde o foco e não da espaço para a geração de assuntos extras/dispensáveis.

Fazer pausas

É comum deparar se com bloqueios criativos. Por isso, ao invés de ficar parado em frente ao computador sem saber o que fazer, levante, tome uma água ou um chá, alongue-se rapidamente, vá ao banheiro ou então dê uma volta no escritório.

Segundo nossa experiência pessoal, isso contribuirá com sua energia e também criatividade.

Por isso, se dê esse tempo para poder voltar ao trabalho com todo afinco.

Veja também: como garantir maior produtividade em sua função em tempos de home office 

Avaliar os resultados obtidos

Para concluir que todas as práticas adotadas são válidas, é preciso ter um comparativo de produtividade para diagnosticar obstáculos, sejam eles ocasionados pelos processos instituídos ou por pessoas.

Fazer e requerer relatórios de seu time

Relatórios detalhados dos trabalhos entregues também são outra forma de medir a produtividade obtida antes de aplicar novas mudanças de gestão de tempo.

Organizar seu ambiente de trabalho e mantê-lo constantemente assim

Ter um ambiente desorganizado atrapalha a gestão de tempo. Afinal, além de muitos fatores de distração, ao precisar de um material você pode despender mais tempo que o necessário procurando-o.

Tendo isso em mente, dedique-se a manter um ambiente limpo e organizado para realizar suas atividades, de preferência, sem objetos muito chamativos e principalmente interativos.

O ideal é reservar esse tipo de elementos para o seu tempo livre.

As consequências na gestão de tempo causadas pela falta de organização

Sem se organizar ficará muito mais difícil cumprir com todas as atividades que são requeridas a você.

Em algum momento, por exemplo, você poderá se deparar com um furo por esquecimento de uma tarefa que não foi organizadamente atribuída às demandas em andamento.

São inúmeros os recursos que poderão lhe ajudar com isso, os mais simples englobam, a agenda do seu smartphone, o Google Agenda, o uso de post-its, agenda tradicional (em papel), planilhas, calendários impressos e mais.

O importante é deixar todas as demandas distribuídas de forma ordenada em relação aos seus dias e horários.

O que ocasiona o mau aproveitamento do tempo?

Diversos fatores têm impacto na maneira como o tempo é aproveitado.

Geralmente, é possível identificá-los com facilidade, se não for o seu caso, ferramentas próprias para esse fim podem ser adotadas.

No entanto, entre as causas mais frequentes estão:

A perda repentina de foco

A falta de foco pode ocorrer devido a ansiedade em querer resolver muitas coisas ao mesmo tempo.

Isso acontece, geralmente, em dias mais apinhados e é uma característica bastante presente em organizações que distribuem demandas em excesso a seus colaboradores ou a apenas um em especial.

Não conhecer a si mesmo!

Se você é do tipo que abraça muitas responsabilidades urgentes e com grande importância para serem resolvidas ao mesmo tempo, apesar de ter boas intenções, é preciso saber que essa não é uma prática ideal a ser continuada.

Veja mais: Intraempreendedorismo: Saiba o que é e porque você deve pôr em prática o mais breve possível

Procrastinar

A procrastinação tem um efeito direto e devastador sob a produtividade.

Deixar para depois nunca é a medida ideal a ser adotada!

Isso ocorre quando uma tarefa é difícil ou pouco interessante.

É preciso entender que ao protelar para cumpri-la, você levará ainda mais tempo que o comum. Despendendo também muito mais energia do que deveria caso a encarasse apenas como mais uma atividade.

Para uma gestão de tempo eficiente, dedique-se às suas tarefas com constante dinamismo!

É comum sentirmos mais ou menos satisfação em determinadas tarefas, mas isso não pode e nem deve afetar o aproveitamento do seu tempo, nem mesmo o resultado de suas entregas e produtividade em geral.

Ao colocar essas dicas em prática e outras mais com o mesmo propósito, além de mais produtivo, você ficará também mais confiante em si e, como consequência, se sentirá mais motivado diariamente!

Gostou das dicas? 

Então não deixe de compartilhá-las com seus amigos e colegas de trabalho para que todos possam usufruir das boas consequências de ter uma gestão de tempo bem organizada!

Engajamento de equipe em tempos de trabalho remoto: conheça algumas das melhores ferramentas

Engajamento de equipe em tempos de trabalho remoto: conheça algumas das melhores ferramentas

Em tempos de distanciamento social e trabalho remoto, conhecer ferramentas que gerem maior conectividade entre a sua equipe de trabalho é algo fundamental para manter a alta produtividade.

Tais ferramentas também contribuem para o senso de colaborativismo na resolução conjunta de questões e no bom e transparente relacionamento entre gestores e demais colaboradores.

Não é recente que ferramentas de produtividade e de gestão são excelentes aliadas de empresas que procuram manter suas equipe engajadas em projetos, demandas e metas da empresa.

Tendo em vista a repentina mudança do escritório formal, para a realização das atividades em casa, como muitas empresas ainda estão adotando, é comum que hajam alguns impactos, mas é preciso minimizá-los, principalmente pelo atual momento econômico em nosso país.

Veja também: 7 princípios básicos do marketing digital para reconsiderar durante a crise 

Mesmo que o home office seja uma prática cada vez mais comum e inclusive razão para o aumento de produtividade de muitos profissionais, a necessidade de manter todos os perfis de colaboradores engajados e comprometidos com o trabalho é bastante significativa e possui influência determinante nos resultados que a empresa terá.

Tendo todas essas informações em mente, é possível enxergar com clareza a importância que ferramentas adequadas, interação e confiança têm. É possível criar um ambiente de trabalho saudável e descontraído, promovendo maior produtividade e engajamento mesmo de forma remota e temporária.

Para saber como obter sucesso nessa empreitada, reconhecer os grandes destaques da sua empresa e ainda manter sua equipe motivada, acompanhe as indicações e ferramentas a seguir:

Engajamento de equipe em tempos de trabalho remoto: conheça algumas das melhores ferramentas

Nesse momento, diversas equipes e profissionais necessitarão de recursos que ofereçam um dinamismo de contato, que se assemelhe às reuniões presenciais. 

Fora isso, é importante ter à disposição ferramentas de trabalho que permitam que as atividades sejam realizadas com a mesma qualidade que são no escritório da empresa.

Com todos esses fatores em conjunto, é mais simples gerar condições de concentração e capacidade de atender à todas as demandas com dedicação, como estavam sendo anteriormente, sem que haja um declive.

Essa ação, muitas vezes, torna-se decisiva para inúmeros objetivos da organização, tanto a curto prazo como longo.

Mantenha  a tomada de decisões em conjunto

Se anteriormente, o bom relacionamento e tomada de decisões aconteciam de maneira conjunta, agora, não precisa ser diferente, mesmo estando em diferentes espaços físicos.

Por mais que essa possibilidade exista, é bastante importante e significativo para o colaborador,  que ele continue a contribuir e se sentir participante das tomadas de decisões remotamente, assim como sempre ocorreu.

Companhias que optam por esse modelo de gestão depositam sua confiança em sua equipe, que indireta ou diretamente, sentem a responsabilidade que isso possui.

Ao manter esses hábitos, uma empresa tende a se manter forte e com seu funcionamento na mesma velocidade, mesmo que os ganhos e número de novos contratos seja menor.

Empresas que agregam essas práticas, são empresas que possuem uma gestão eficaz e conseguem mantê-las, mesmo em condições divergentes.

Evite o acúmulo de demandas

Existem duas principais razões pelas quais demandas são acumuladas em uma organização por seus profissionais.

Primeira: quando há falta de engajamento dos colaboradores em questão;

Segunda: problemas operacionais;

Em ambos os casos é essencial realizar um diagnóstico, para entender e solucionar a questão.

Nenhuma das alternativas está ligada ao desleixo, mas sim, à problemas de adaptação ao trabalho remoto, o que pode ocorrer com diversas pessoas.

Lembrando, é claro, de que estamos levantando aqui o acúmulo de demandas e não o descumprimento de atividades em baixa escala.

Demandas acumuladas podem ser um grande problema aos objetivos de uma empresa, no entanto, é totalmente possível conseguir trabalhar de maneira efetiva e focando no planejamento que já existia anteriormente na empresa.

Com boas práticas e o aporte de ferramentas, é bastante simples e possível manter um nível eficiente de produtividade e fluxo de trabalho de cada colaborador.

Defina com sua equipe os pontos primordiais do trabalho

Com o engajamento de uma equipe remota funcionando bem, é naturalmente simples alinhar novas ideias, mesmo com um time fisicamente distante.  

Para a realização de reuniões, a prática a ser adotada são as videoconferências e, por meio delas, é possível conduzir as pautas costumeiras ou necessárias, da mesma forma que ocorreriam formalmente no escritório.

Veja ainda: Como se preparar adequadamente para reuniões online 

Sem a utilização desse recurso, muito provavelmente será difícil alinhar questões importantes do trabalho, principalmente na revisão de alguns pontos específicos e na análise de métricas, prática bastante frequente em equipes de marketing digital, por exemplo. 

Por isso, tenha a certeza de que todos os seus colaboradores estejam familiarizados com as videoconferências, do contrário, esforce-se para que esse objetivo seja alcançado.  

Conheça 3 ferramentas para atingir esse objetivo

1. Trello

Trata-se de uma das ferramentas mais populares do mercado, sendo adotada principalmente por equipes de de marketing.

No Trello é bastante simples criar novas tarefas, acompanhar o andamento delas e adicionar observações quando necessário.

A ferramenta também conta com a criação de grupos e possibilidade de mandar mensagens individuais para os participantes deles.

Com apresentação bastante intuitiva e prática, o Trello contribui muito com a produtividade e organização do seu time. Vale a pena experimentar!

2. Tangerino

Mesmo com uma frequente flexibilidade de horários de entrada, saída e pausa na rotina de trabalho de diversas empresas nos dias de hoje, o padrão de horas que devem ser cumpridas diariamente, não são revogáveis na maioria dos casos, sejam elas 4, 6, 7 ou 8 horas diárias.

O Tangerino pode ser uma excelente ferramenta a ser adotada por inúmeras empresas que trabalham esse e outros formatos.

É um software simples e que funciona como um controle de ponto digital remoto.

O colaborador acessa o aplicativo diariamente por meio de seu número de matrícula e a sua localização é compartilhada. Em Seguida, uma selfie pode ser tirada em seu ambiente de trabalho e o ponto é registrado.

3. Softwares de chamada de vídeo

Simples, eficientes e bastante populares, as chamadas de vídeo estão entre os recursos que mais se assemelham ao contato presencial para definição de pautas necessárias do ambiente de trabalho, apresentação de ideias entre outros. 

Através de chamadas de vídeo é possível inclusive contatar clientes com o objetivo de gerar maior proximidade ou manter a que já existia anteriormente. Um processo descomplicado que pode contribuir muito para que o impacto do distanciamento necessário seja minimizado ao máximo. 

Se adotadas e alinhadas com a abordagem correta, todas essas dicas poderão contribuir de maneira bastante significativa para que o trabalho de vendas da sua empresa e engajamento dos seus colaboradores seja continuado com a maior eficiência possível. 

Faça o teste! 

 

Comportamento dos consumidores durante e pós-crise: atente-se às atualizações 

Comportamento dos consumidores durante e pós-crise: atente-se às atualizações 

No dia 15 de Abril (2020) a Forbes Brasil, renomada revista estadunidense de negócios e economia, publicou uma matéria com o tema “Isolamento social pode mudar a cara do Brasil”.

Os últimos acontecimentos no mundo afetaram a economia global, fazendo com que diversas empresas se adaptem na sua forma de oferecer serviços e vender produtos. 

Fica evidente que, com a proporção que a situação tomou, é essencial se antecipar no que diz respeito a mudança do mercado, que possivelmente nunca mais voltará a ser o mesmo.

Se você acompanha nosso blog, sabe que temos como principal intuito antecipar disfunções e focar, principalmente, em resultados.

Insistimos muito na questão de recuperação pós-crise, porque entendemos a necessidade e urgência de estar prontos no segundo em que tudo isso passar, para a retomada dos números que foram desacelerados.

Pensando nisso e observando o comportamento repleto de mudanças no cenário atual, trouxemos algumas questões que devem ser observadas por você, para que seja possível adaptar seu negócio e estar à frente em suas estratégias.

Veja também: planejamento e estratégia para agora e para quando a crise passar 

Comportamento dos consumidores durante e pós-crise 

Segundo um levantamento realizado pela Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), juntamente com a Compre&Confie, entre a aparição do primeiro caso de coronavírus em nosso país e o dia 18 de março, vendas online de supermercados aumentaram 80%, mercado da saúde 11% e 83% o da beleza, quando comparados ao mesmo período no ano anterior.

Na primeira semana de isolamento houve certa ponderação e receio em relação às compras de maneira geral. 

No entanto, a segunda semana de isolamento oficial no país trouxe o senso de urgência nas pessoas e, com isso, o segundo estágio.

Com receio de não conhecer as possibilidades dos próximos dias, as pessoas resolveram estocar em casa o que pudessem.

No terceiro momento, já foi possível observar uma diminuição dessa urgência e uma segurança e aceitação maior em relação às compras online.

Foi uma excelente oportunidade de pessoas que ainda não tinha esse hábito, se abrirem para ele.

Veja mais: como redimensionar com eficiência vendas externas para internas 

Segundo Ricardo Rodrigues, CEO e fundador da Social Miner, “é provável que esse comportamento de compra mais recorrente continue após o isolamento, por causa da praticidade. O histórico do e commerce começa no Brasil com as pessoas comprando itens de tíquetes mais caros, como eletrônicos, mas isso mudou bastante atualmente, já que elas estão adquirindo itens mais baratos, dando continuidade à experiência”, afirma. 

Para o executivo, com essa alterações comportamentais que vêm acontecendo diariamente com o consumidor, uma mudança pós-pandemia é irremissível.

 “A situação atual está incentivando as pessoas a criarem novos hábitos e muitas delas estão experimentando isso pela primeira vez”, também afirma Rodrigues.

Isso quer dizer que, assim que as lojas estiverem todas reabertas, o discernimento e o nível de exigência dos consumidores estará em um outro nível, fomentando a experiência omnicanal.

Veja ainda: home office e as adaptação do formato de trabalho em novos tempos 

A Omnicanalidade

 A Omnicanalidade trata-se de uma estratégia que visa integrar todos os canais de venda, oferecendo ao cliente uma única experiência em todos eles. 

Na prática, o cliente poderá comprar seus produtos através do smartphone, notebook, chat online ou na loja física, por exemplo, e desfrutar do mesmo atendimento, ofertas e experiência de compra.

A Experiência 

À medida que a tecnologia progride, ela passa a se integrar cada vez mais às nossas vidas diárias, de forma que a vida real e o mundo online caminhem para funcionar cada vez mais em conjunto.

E à medida que as pessoas mudam os seus comportamentos, torna-se imprescindível que profissionais de marketing e empreendedores estejam prontos pra para reagir.  

É preciso, ao invés de pensar na experiência mobile ou desktop de seus clientes, focar em uma experiência unificada, ou seja – uma experiência omnicanal.

O Comportamento do e commerce

É fato que o período de isolamento trouxe novas oportunidades a alguns estabelecimentos online.

Boa parte das marcas assimilou que o posicionamento ideal é aquele que contribui com o consumidor, independentemente de venda no primeiro momento.

Fato é que diversas empresas têm pensado e executado ações fora de seu contexto, para mostrar que estão dispostos a contribuir também de outras maneiras, para o bem-estar comum, o que pode ser uma boa e efetiva estratégia, se for condizente com a visão e missão da empresa. 

adoção de estratégias visando o bem dos clientes ante o coronavírus. Foto/Reprodução: Alliance - Adobe

Hoje, as pessoas estão cada vez mais buscando por companhias humanizadas e, por isso, no atual momento, o mau posicionamento ou anulação de um específico pode ser fatal para a popularidade de uma marca.

Veja também: como aumentar sua conversão online em 2020

É de extrema importância que as organizações sejam transparentes. Quem ainda não entendeu esse fato, só tende a perder.

Por exemplo,  se o consumidor sabe que sua equipe está trabalhando de forma reduzida e tomando precauções novas, ele entenderá, de forma passiva, que sua entrega poderá demorar mais que o de costume.

É inevitável um momento de reflexão maior nesse momento em que as pessoas se encontram mais solitárias, o que estimula o senso de solidariedade em diversos aspectos.  

Os consumidores priorizam marcas que respeitam sua equipe e procuram proteger seus consumidores.

Relevância de dados constantes no cenário atual

Considerando a velocidade com que as mudanças estão ocorrendo, uma grande vantagem do comércio eletrônico em relação ao físico é a simplicidade e rapidez com que é possível analisar dados.

No online, isso pode ser feito em tempo real, contribuindo com ações imediatas e acertadas.

Tenha um canal de comunicação especificado para novos clientes 

Uma atitude que fará total diferença é possuir um canal de comunicação com as pessoas que estiverem passando pela experiência da compra online pela primeira vez.

É essencial ter em mente que, neste caso, a jornada de compra terá algumas particularidade, entre elas, um processo um pouco mais longo. 

Veja mais: as novas formas de obter sucesso no atendimento ao cliente 

Outro ponto que deve ser ressaltado é que nem sempre essa venda acontecerá na primeira visita.

No entanto, é essencial incentivar cada novo prospect ao fundo de funil, isso pode ocorrer alguns dias depois, ou mesmo quando se sentirem mais seguros, não anulando essa possibilidade.

Pela instabilidade dos empregos, é relevante as marcas atenuarem esse tipo de risco, dando um espaço saudável aos consumidores. Priorizando as impressões de que sua empresa está ali para ajudar sempre que necessário e não apenas para fechar uma venda o quanto antes possível.

Novamente, as pessoas se identificarão mais do que nunca com marcas humanizadas, que se importem com ela e as pessoas de forma geral.

Faz parte de uma jornada de compras completamente nova, essencial para quem deseja sobreviver, manter-se estável e ainda crescer nesses novos tempos.

Gostou de conhecer essas informações?

Então não deixe de acompanhar nosso blog e redes sociais, para saber muito mais.

Caso tenha alguma dúvida sobre as estratégias levantadas nesse post e como pode colocá-las em prática o quanto antes possível, entre em contato conosco.

 

Whatsapp